quarta-feira, 15 de junho de 2011

Corsets



Corset é uma peça femininas que pode ser usada sobre outras peças de roupas ou sozinho, cujo principal objetivo é estético.

Os corsets são feitos de materiais resistentes e várias camadas de tecidos. O principal objetivo dos corsets é afinar a cintura através da compressão das costelas flutuantes, essa compressão ocorre devido ao posicionamento das barbatanas que podem ser de tubarão (muito utilizado antigamente) ou aço flat utilizado nos dias de hoje. O uso do corselet em longo prazo muda as formas da silhueta.
O uso dos corsets deve ser entre 6 a 8 horas diárias esse tempo é suficiente para que se obtenham resultados em duas semanas de uso, porém eles podem ser utilizados por mais tempo contato que sejam feitos exercícios de abdominais, para que não ocorra a atrofia da musculatura que sustenta a coluna.

O uso prolongado da peça pode acarretar na diminuição do tônus da musculatura abdominal, para que isso seja evitado é necessário realizar exercícios específicos para a região abdominal, se possível com acompanhamento de um profissional específico.

Os corsets também podem funcionar como coletes ortopédicos, eles ajudam a melhorar a postura deixando a coluna reta.


A peça deve ser feita sob medida, a fim de evitar o surgimento de uma barriga indesejada, já que a peça contribui para que a gordurinha localizada migre para o quadril, por isso é importante as medidas da peça serem compatíveis com suas medidas. Eles ainda ajudam a controlar o apetite, ajudando a regular o hábito alimentar correto (comer em pequenas quantidades, porém frequentemente).


O uso do corset não é recomendado para crianças em faze de crescimento, pessoas sedentárias, em caso de problemas circulatórios ou varizes, cirurgias recentes na região do abdômen, hérnia de disco ou comprometimento de algum órgão interno.


Não se deve exagerar no ajuste da peça, pois o ajuste exagerado pode prejudicar a circulação e os órgãos internos.



1. CORSET, CORSELETE/CORSELET, ESPARTILHO E CORPETE SÃO A MESMA COISA?
Sim e não. O que hoje nós conhecemos como espartilho é uma espécie de primo pobre dos “verdadeiros” espartilhos, que hoje são chamados de corset para evitar confusões.
O espartilho é uma peça de lingerie relativamente barata, geralmente feita de tule, com aplicação de renda e uso de barbatanas plásticas, que até dão um up, mas não modelam o corpo.
O corset é uma peça rígida, confeccionada com várias camadas de tecido e usando barbatanas de metal (aço flat e espiraladas), com o objetivo de modelar o corpo a longo prazo, através do uso prolongado.
O corselet/corselete/corpete pode ser considerado como a versão não-lingerie do espartilho. Os modelos mais elaborados pode ser confeccionados em tecidos como tafetá (e bordados, como em muitos vestidos de formatura), mas há também versões em cetim com renda, lycra, vinil, jeans…



2. CORSET MATA?
Por si só, ele não mata. Já matou, é verdade. Os modelos originais, principalmente no século XIX, eram bastante desconfortáveis e como a moda era uma cintura muito fina, algumas mulheres passavam dos limites. O resultado era que as barbatanas arrebentavam e perfuravam o pulmão, causando a morte. Os modelos contemporâneos sofreram muitos aperfeiçoamentos em termos de modelagem e materiais, de modo que com o mínimo de bom senso, é possível manter-se saudável.

3. O QUE É TIGHT LACING?
O Tight Lacing (TL), também conhecido como Waist Training (WT) nada mais é do que o uso prolongado do corset com o objetivo de reduzir a medida da cintura através do deslocamento das costelas flutuantes. É uma prática que requer muita disciplina e, preferencialmente, acompanhamento médico. Até mesmo por conta do nosso clima, há poucas praticantes de TL no Brasil.



4. QUALQUER UM PODE USAR CORSET?
Não, pelo menos se você planeja usar o corset durante períodos longos. Nesses casos, o uso só é indicado após os 18 anos e uma consulta médica.
Se você tem algum problema envolvendo desvios da coluna, circulação sanguínea, retenção de líquidos ou refluxo, deve procurar um médico antes de começar o TL, mas já vou adiantar que os profissionais da saúde, muito provavelmente por falta de informação, são ligeiramente preconceituosos quando o assunto é corset. Esteja pronta.



5. QUANTOS TIPOS DE CORSET EXISTEM? QUAL É O MELHOR PARA MIM?
Existem 4 tipos globais de corset: o underbust, o waist cincher, o midbust e o overbust. O modelo ideal depende da finalidade dele.
Midbusts e Overbusts são totalmente contra-indicados para TL, mas ficam ótimos se a sua intenção é apenas montar um look especial para uma festa, por exemplo.
Underbusts: por deixarem o busto livre, são modelos mais versáteis, que permitem variadas combinações de saias, calças e camisas. Podem ser usados para TL, embora não sejam o modelo ideal.
Waist Cincher: por ser um modelo que foca especificamente a cintura, com dimensões reduzidas, é ideal para a prática de TL. Assim como os underbusts, possibilita a montagem de looks variados.


6. QUAL É O PREÇO MÉDIO DE UM CORSET?
Um bom corset é, necessariamente, feito sob medida. Desconfie de lojas que vendam modelos prontos e de preços camaradas demais. O custo de confecção de um corset legítimo é elevado e demanda muito estudo e trabalho por parte dos corsetmakers (ou “corseteiros”, no bom português). Dependendo do fabricante, boas peças saem a partir de R$ 300, mas tem uma durabilidade elevada se bem tratados.

7. O CORSET TIRA OS PNEUZINHOS DA CINTURA BAIXA?
Não. O que tira os pneuzinhos é ginástica localizada e parar de usar calça cintura baixa dois manequins menor que o seu.

8. CORSET EMAGRECE?
Sim e não. Quando usado por longos períodos de tempo, o corset aquece a região abdominal e, por comprimir o estômago, pode auxiliar na perda de peso, na medida em que diminui-se a ingestão de alimentos por conta da compressão.

9. GORDINHAS PODEM?
DEVEM!
Particularmente, acho que nós gordinhas ficamos muito melhores de corset do que qualquer modelo, porque o corset é uma peça feita para ressaltar as formas femininas.

10. ONDE POSSO MANDAR FAZER UM CORSET?
Com pessoas especializadas, não com a costureira do bairro. Nesse link você encontra a lista atualizada de pessoas que fabricam corsets no Brasil. Corsets legítimos, não corpetes. Se não houver uma fabricante na sua cidade, pode fazer a encomenda pela internet. É o meio mais comum e absolutamente seguro, ao menos com os corsetmakers listados.

11. TODOS OS CORSETS PODEM SER USADOS DEBAIXO DA ROUPA?
Vai depender muito da sua imaginação e do seu conforto. Se você se sentir à vontade para usar um overbust em cima de uma camisa ou de uma blusa, vá em frente. Há uma exceção: alguns fabricantes de corsets desenvolveram uma linha especial para praticantes de TL, que são peças feitas num tecido especial, telado, que permite à pele respirar. Esses corsets não são pensados para serem usados por cima da roupa, mas se você achar que combina, fique à vontade.



Dicas da Madame Sher :

Nunca saem de moda
"Corsets são peças muito clássicas e por isso podem sempre ser aproveitadas na moda. Mesmo nos períodos onde o corset não está em alta, a peça continua sendo usada para modelar o corpo e é a roupa mais eficaz nesse sentido."


Para magras e gordinhas!


"Não há necessidade de ser magra para usar corset. Mulheres voluptuosas podem abusar da peça, elas são as maiores beneficiadas. Porém, as que estão muito acima do peso devem evitar a exposição do corset usando-o por baixo da roupa.


O top de linha


"O modelo mais vendido é o underbust clássico na cor preta (corset que fica abaixo do busto). Esse modelo é o predileto porque pode ser usado com quase todo tipo de roupa, quase como um cinturão."


Modelos estravagantes


"Algumas famosas já me pediram corsets com incrustações de pedras, e já tive clientes que trouxeram tecidos de família guardados há anos."


Homens de espartilho?


"Muito menos que as mulheres, é claro, mas já tenho clientes de perfil moderno ou dandy (homem preocupado com o as roupas que veste), que usam meus corsets. E já fiz até para um noivo!".


Última dica


"Tendência para mim é um palavrão. Eu costumava dizer que a moda existe para quem não tem estilo próprio. A grande vantagem nos dias de hoje é que ela é tão rápida e cria tantas tendências simultaneamente que é mais fácil conseguir isolar vários elementos para compor o próprio estilo. O corset é uma peça que nunca sai de moda."






Tem pessoas que fazem Piercing Corset, igual a esse acima.. Vocês fariam? eu acho que talvez não faria porque deve doer muito... Admiro quem faz!

Espero que sigam as dicas! Dúvidas, perguntem aqui ou mandem a pergunta para o email: baby-gatinha-22@hotmail.com.
Sugestões para a próxima postagem: comentem!

4 comentários:

Gabby Estevão disse...

olá,

gostei do blog..

Queria saber se você sabe onde encontrar aque vestido rosa?

mande-me por e-mail gabyestevao@yahoo.com.br


gabbyestevao.blogspot.com

Barbara Eliane e Érika Poison disse...

oooie Divã
Que bom, fico feliz..
Então linda aquele vestido é sobe encomenda, você tem que pegar a foto dele e mandar fazer em lojas especializadas nesse ramo.
Ok mandareei o e-mail.
Beeeijos, Obg pelo comentário, carinho e por ser nossa DIVÃ LEITORA!

Anônimo disse...

Oi lindas. Adorei o blog de vcs...
é o seguinte, estou com uma dúvida cruel.
Estou pra me formar na faculdade e vi um vestido lindo: corpete na parte de cima e uma saia floral na parte de baixo.. achei uma graça mas estou com receio de nao ser adequado pra uma formatura. O que vocês acham? Peninha q nao consigo mostrar a foto do vestido pra vcs!

Barbara Eliane e Érika Poison disse...

ooie Linda, Obrigado, fico feliz!
Que graça, olha se o vestido for bonito, moderno e chique pode sim linda.. Na nossa postagem sobre vestidos tem um vestido floral que a miley cyrus vestiu ele é mto lindo e serve de ex.. http://the-fashion-world.blogspot.com/2011/08/inspire-se-vestidos-para-debutante.html
Então é isso
obg pelo comentário, por ser nossa diva leitora e pelo carinho!